José Roberto da Silva (Filho de Aníbal José da Silva)



Do casamento de Aníbal José da Silva com Cândida Maria Barbosa de Andrade  nasceu José Roberto da Silva,  a 5 Fev 1862, Vila Nova Sintra, Ilha Brava, Cape Verde, foi baptizado: 11 Mar 1863, Praia, Santiago, Cabo Verde e casou com Maria do Livramento Barbosa a 27 Dez 1891 em São Filipe, Fogo, Cabo Verde. Faleceu em Cabo Verde.


José Roberto da Silva viveu quase 100 anos pois deve ter falecido em 1960.

Não confundir este José Roberto da Silva com o homónimo José Roberto da Silva que era seu avô e que nasceu em 1800.

Jose Roberto da Silva, Tenente Coronel do Exercito Português, que casou com Maria do Livramento Barbsa, nascida a 4/4/1867, em S. Filipe Fogo, filha de António José Barbosa e da sua 2ª mulher Luisa Barbosa de Andrade. 


Com os filhos Antonio José e Luisa


Negociante. Na sua obra "História de Portugal", período 1890-1910, volume X, pág. 230, 2a. edição, o historiador Veríssimo Serrão regista que "No ano de 1908, o colono José Roberto da Silva, morador na cidade da Praia, que ali representava a Companhia de Salvamentos da Corunha, pediu ao Governo da província autorização para explorar os navios naufragados no mar da Boa Vista, em cujos cascos se dizia haver tesouros fabulosos. Tratava-se de uma exploração submarina com riscos, mas que tinha a vantagem de poder vir a revelar muitos valores abandonados. O Ministro Augusto Castilho concedeu a autorização pedida, mas sujeitando-a à zona de quatro milhas ao redor da mesma ilha. O impetrante guardava o exclusivo da exploração, cumprindo as condições expressas no regulamento em vigor. Mas tudo ignoramos acerca da sua actividade e dos lucros que nela tivesse, porventura, obtido." A autorização concedida veio publicada no Diário do Governo, número 42, de 21 de Fevereiro de 1908.

As ordenanças do templo para José Roberto da Silva foram feitas sob a data de nascimento do ano de 1842.

O avô, de mesmo nome, pediu o exclusivo da pesca da baleia (Portaria ao Procurador Geral da Coroa. Para que informe sobre pedir José Roberto da Silva um exclusivo para a pesca da balea nas costas e mar das Ilhas do Fogo e Brava. e Ilheos do Rombo do Archipelago de Cabo Verde. Abril de 1846). Não lhe foi concedido.

Aníbal a seguir casou com Emília José Barreiros, filha de Francisco Maria Barreiros e Rita Joaquina Martins da VERA-CRUZ, a 19 Novembro 1865 em São João Baptista, Ilha Brava, Cabo Verde. Emília José Barreiros nasceu a 22 Maio 1848 na Vila Nova Sintra, Ilha Brava, Cabo Verde.

a© Joao Schwarz Da Silva 2018